A Câmara Municipal de Bissau (CMB) apresentou esta terça-feira (29 de Agosto) aos seus parceiros a proposta do modelo de gestão do Parque Europa “Lagoa de M´batonha.

Depois do Djumbai com os parceiros, a directora da Acção Social da CMB, Minhone Mancanha Seide, disse que a gestão, manutenção e melhoria contínua do parque vai ser partilhada com munícipes e organizações da sociedade civil.

 «O projecto tem como objectivo reabilitação da zona húmida denominada parque europa lagoa de M´batonha.  O modelo de gestão foi pensado como forma de acção proactiva, adivinhando dificuldades futuros e traçando desde já um plano de acção para garantir a sustentabilidade da infra-estrutura e a gestão será partilhada com munícipes e organizações da sociedade civil e de certa forma responsabilizando todos pela gestão, manutenção, e melhoria contínua do parque», diz.  

Minhone Mancanha Seide disse ainda que a ideia de partilhar o modelo é para enriquecer o documento, aprender e melhorar o projecto tendo sublinhado que “o fim da reabilitação da obra termina dia 31 do mês em curso e não tem ainda a data da inauguração. A ideia do encontro era para partilhar o modelo de gestão para enriquecimento, onde vamos reter todas as opiniões ditas, para enriquecer o documento, aprender e melhorar continuamente o trabalho”, explica. 

A Lagoa de N’Batonha é um importante local de alimentação, reprodução e descanso para as aves residentes e migradoras, oriundas dos países frios da Europa e da Ásia. A recuperação de toda a área contribuirá para a conservação dessas espécies de aves permitindo a convivência harmoniosa com as pessoas.

Por: Bíbia Marisa Pereira

Escreva à RSM

email 

Entre em contato com a Rádio Sol Mansi.

Continuar

Ajuda RSM

helpContribua para a manutenção dos nossos equipamentos e a formação da nossa equipa.

Ajuda

Subscreva notícias