O Movimento de Salvação do Partido da Renovação Social (PRS) pede o seu líder, Alberto Nambeia, e toda a sua equipa para se demitir até próxima quarta-feira (20) caso contrário "encetaremos mecanismos com vista ao seu afastamento". O movimento culpa a equipa de Nambeia pela perda drástica dos deputados

Através de uma carta enviada ao presidente do partido, datada de 18 de Março de 2019, assinada pelo coordenador Ibraima Sori Djalo, o Movimento sustenta o pedido no “desastroso” resultado das eleições do dia 10 de Março que teve consequências “incalculáveis no partido que levou a perda de 20 deputados de uma só vez passando de 41 deputados para os escassos 21 deputados”.

“Torna-se fundamental que o PRS seja um exemplo de seriedade e de consequência”, lê-se na mesma carta pedindo a demissão colectiva.

O PRS perde o lugar da segunda força no parlamento passando agora para terceiro partido mais representado.

“Este desempenho tem que ter consequências nas figuras do partido a quem se possam atribuir tais resultados, como é o caso do presidente (Alberto Nambeia) ”, lê-se na mesma carta que tem o conhecimento do Secretário-Geral.

Numa carta do Movimento para a salvação do PRS assinado por Ibraima Sori Djalo, ao presidente do partido é incumbida a responsabilidade pela perda de 20 deputados.

“É chegada a hora de permitir que os militantes renovem democraticamente a sua confiança em novas pessoas”, diz ainda a mesma carta dirigida ao presidente do partido.

O movimento diz que a decisão deve ser tomada evitando qua as possíveis implicações nefastas dos resultados alcançados possam pôr em causa a subsistência do partido enquanto formação política e enquanto basilar na sociedade guineense.

Alberto Nambeia foi eleito, em Setembro de 2017, o presidente do Partido da Renovação Social no quarto congresso . Orlando Mendes Viegas foi Director Nacional da Campanha eleitoral do PRS para legislativas últimas.

Na corrida às legislativas do domingo passado, o PRS contou com o apoio de Botche Cande, militante do PAIGC expulso por um período de oito (08) anos. A estratégia era lutar o máximo possível para aumentar o número dos deputados no parlamento, sendo que o PRS tinha 41 deputados no parlamento.

 

Por: Elisangila Raisa Silva dos Santos

Podcast

podcast

Escute quando quiser as emissões da Rádio Sol Mansi.

 

 

 

Ouvir

Escreva à RSM

email 

Entre em contato com a Rádio Sol Mansi.

Continuar

Ajuda RSM

helpContribua para a manutenção dos nossos equipamentos e a formação da nossa equipa.

Ajuda

Questo sito fa uso di cookie per migliorare l’esperienza di navigazione degli utenti e per raccogliere informazioni sull’utilizzo del sito stesso. Leggi di più