09
Feb
2017

A mesa da Assembleia Nacional Popular (ANP) reunida, na quarta-feira (08), deliberou por unanimidade que o deputado, Domingos Simões Pereira, e igualmente líder do PAIGC, vai ser ouvido no parlamento

Domingos Simões Pereira deverá ser ouvido no âmbito de um inquérito que incide sobre o Ministério da Economia e Finanças.

À revelação feita pelo segundo vice-presidente da ANP e igualmente presidente do Partido da Renovação Social (PRS), Alberto Nambeia, durante uma entrevista concedida a Radio Sol Mansi.

Nambeia disse que a decisão foi tomada em respeito aos procedimentos que há muitos anos são observados a nível da Assembleia Nacional Popular.

“Não é porque é Simões Pereira que tomamos a decisão de ser ouvido no parlamento. A questão da retirada da imunidade é da competência da plenária”, explica.

Nesta entrevista o líder do Partido dos renovadores admitiu equívoco a nível da Governação tendo garantido que o PRS saberá posicionar-se no momento certo em caso da violação do acordo que permitiu a integração dos renovadores no Governo de Umaro Sissoco Embalo.

“ (…) Poderá ter um inequívoco entre nós. Sempre exigimos respeito e por isso existe a governação com base no acordo e se isso não está a ser respeitado o PRS irá ser obrigado a assumir a sua posição, mas agora vamos ser prudentes porque o que nos interesse e defendemos é a estabilidade política.

Questionado sobre o quê de concreto de mal-estar existe entre o PRS e o governo de Sissoco Embalo, Nambeia defende que tudo o que disse era “só uma posição” e caso existir o PRS será obrigado a assumir a sua posição.

Sobre eventual agendamento para possível debate do programa de governo de Umaro Sissoco, Nambeia afirma ser urgente um entendimento para haver um programa de governação, independentemente da engenharia Política que possa haver.

“O país está cansado e se tiver uma forma como as pessoas poderiam sentar a mesma mesa para o diálogo e para resgatar o país da situação, será bem-vindo”.

O líder doa renovadores, sublinhou por outro lado que o seu partido estará sempre pronto em defesa dos interesses do povo Guineense, apelando urgente entendimento entre os actores políticos para tirar o país da difícil situação em que se encontra.

Por: Elisangila Raisa Silva dos Santos / Amadu Uri Djalo

Questo sito fa uso di cookie per migliorare l’esperienza di navigazione degli utenti e per raccogliere informazioni sull’utilizzo del sito stesso. Leggi di più