A Associação dos Bancos quer menos morosidade da justiça na recuperação dos créditos, por isso, esta quinta-feira (14), a organização juntou diferentes actores relacionados ao assunto para fazer circular melhor as informações

A Directora executiva da organização, Ausenda Cardoso, disse que o encontro vida formar os jovens em relação a legislação que irá permitir dentro de pouco tempo o registo de crédito no notariado para trazer mais garantias tanto para o banco como para os cidadãos.

“A nova tabela é muito mais convidativa tanto dos valores dos bancos como das propriedades como casa e carro para evitar que a situação continue de compra de casas por duas pessoas e isso vai ajudar os bancos para registarem suas hipotecas sobre bens que o darão mais garantia sobre os empréstimos do banco”, explica.

Da parte do BCEAO, Filomeno Lobo, disse que a preocupação dos Bancos em relação ao não pagamento dos créditos atempadamente.

“A justiça deve seguir o que está no ordenamento jurídico quando o assunto é a execução da garantia para evitar morosidades nos processos que prejudicam o funcionamento dos bancos. Muitas pessoas adquirem dívidas com o banco e ficam a exibir os seus bens na praça. Portanto isso choca com a consciência social”, sustenta.

A Ministra da Justiça, Rute Monteiro, disse que uma nova tabela de registos comerciais é uma forma de criar uma plataforma com os atores que entrevêem no sector bancário para fazer passar a informação sobre como funcionam as diferentes instituições como bancos.

“Assim deixa de haver a morosidade nos processos e todos ganham”, admitem.

Os bancos do país estão preocupados com o não pagamento dos créditos que dificultam os seus trabalhos.

 

Por: Iasmine Fernandes

Podcast

podcast

Escute quando quiser as emissões da Rádio Sol Mansi.

 

 

 

Ouvir

Escreva à RSM

email 

Entre em contato com a Rádio Sol Mansi.

Continuar

Ajuda RSM

helpContribua para a manutenção dos nossos equipamentos e a formação da nossa equipa.

Ajuda

Questo sito fa uso di cookie per migliorare l’esperienza di navigazione degli utenti e per raccogliere informazioni sull’utilizzo del sito stesso. Leggi di più