SANTA ALICE, SANTO ONOFRE E SANTA PAULA FRASSINETTI

Santa Alice entrou para o convento aos sete anos e realizava milagres em vida. Logo após realizar seus votos religiosos, contraiu lepra e foi isolada. Ficou desfigurada por causa da doença e padecia de grandes dores, usando a oração como forma de escapar do sofrimento. Depois de receber a Unção dos Enfermos, viveu mais um ano.

É considerada a padroeira dos portadores de hanseníase (lepra). Santo Onofre é o padroeiro do Alcoólicos Anónimos e de todos os que têm vícios. Viveu solitário em um deserto durante 60 anos, no Egipto, no século IV. Pouco antes de sua morte, foi encontrado por um monge, a quem narrou sua trajectória e sua vida. Ore com fé: ”Ó Santo Onofre, que pela fé, penitência e força de vontade vencestes o vício do álcool, concedei-me a força e a graça de resistir à tentação da bebida.

Livrai-me do vício, que é uma verdadeira doença, também para os meus familiares e os meus amigos. Abençoai os ‘Alcoólicos Anónimos’ para que conservem firme o seu propósito de viver afastados da bebida e de ajudar os seus semelhantes a fazer o mesmo. Virgem Maria, mãe compassiva dos pecadores, socorrei-nos! Santo Onofre, rogai por nós!” Santa Paula Franssinetti nasceu em 1809 na Itália e ficou órfã de mãe aos nove anos. Anos depois começou a ouvir o chamado Divino, que só atendeu após a morte de seu pai. Seu lema era: “quem mais se sacrifica, mais ama”.

Entrou para a vida religiosa em 1834, fundou escolas e enfrentou diversas dificuldades para seguir com sua carreira religiosa. Morreu em 1882, invocando a Virgem Maria. Reze com ela: ”Ó Santa Paula, que com humildade e ardente fé, te abandonaste toda à vontade de Deus, sempre segura de Sua bondade e das Suas promessas, faze pela tua intercessão que ternamente confiando na misericórdia do Senhor, obtenha do Seu Coração a graça que desejo (fazer o pedido).

Ó Santa Paula, que durante os dias de prova, nos sofrimentos do corpo e nas angústias da alma, sempre esperaste com firme confiança na infinita misericórdia de Deus, faze pela tua intercessão que, esperando filialmente da generosidade do Senhor o socorro nas minhas misérias, obtenha do Seu coração a graça que desejo (fazer o pedido).

Ó Santa Paula, que colocaste toda a tua alegria em amar o Senhor e a Sua cruz, para saber socorrer com fraterno e materno coração a todas as misérias, faze pela tua intercessão que amando fervorosamente a Deus e o próximo, por amor de Deus, obtenha do seu Coração a graça que tanto desejo (fazer o pedido).

Amém.”

 

Escreva à RSM

email Entre em contato com a Rádio Sol Mansi.

Continuar

Ajuda RSM

helpContribua para a manutenção dos nossos equipamentos e a formação da nossa equipa.

Ajuda

Subscreva notícias

© 2019 Radio Sol Mansi
Cookie Policy | Privacy Policy

Questo sito fa uso di cookie per migliorare l’esperienza di navigazione degli utenti e per raccogliere informazioni sull’utilizzo del sito stesso. Leggi di più