Os órgãos da comunicação social guineense rubricaram hoje (15 de fevereiro) o código de conduta que vai orientar suas actuações e dos jornalistas durante os 21 dias de campanha eleitoral.

Momentos antes de assinatura, o presidente do Conselho Nacional de Comunicação Social Ladislau Embassa exortou aos homens da imprensa para exerceram suas actividade com respeito pelas normas previstas nas demais leis.

“ Exorto os órgãos de comunicação social para exercerem suas actividades de cobertura com respeito pelas normas previstas nas demais leis que enquadram a vossa actividade e no código de conduta adoptado pelo sindicato dos jornalistas”, exorta o responsável pela fiscalização de actuação dos jornalistas.

Aos partidos políticos apelou que abstenham de exercer pressões ilegítimas aos jornalistas, permitindo-os fazer seus trabalhos. “ Que não pressionem os jornalistas, que os deixem exercer suas funções dentro do quadro da liberdade de imprensa estabelecida na ordem jurídica guineense”.

Entretanto, a presidente do Sindicato nacional do Jornalistas e Técnicos da Comunicação Social (SINJOTECS) Indira Correia Baldé diz que os jornalistas não devem ser porta-vozes dos partidos políticos.

“O nosso compromisso deve ser puramente com a verdade. Isso quer dizer que os órgãos de comunicação social não devem ser bengalas dos partidos políticos e nem os jornalistas devem ser porta-vozes dos partidos políticos mas fazer um trabalho isento e acima de tudo compromisso com a verdade. Para isso, deixo claro que jornalista que extrapolar as leis, vai assumir suas responsabilidades”, avisou.

Ainda hoje o sindicato entregou coletes de coberturas jornalísticas aos diferentes órgãos da comunicação social.

Por: Nautaran Marcos Có

Podcast

podcast

Escute quando quiser as emissões da Rádio Sol Mansi.

 

 

 

Ouvir

Escreva à RSM

email 

Entre em contato com a Rádio Sol Mansi.

Continuar

Ajuda RSM

helpContribua para a manutenção dos nossos equipamentos e a formação da nossa equipa.

Ajuda

Questo sito fa uso di cookie per migliorare l’esperienza di navigazione degli utenti e per raccogliere informazioni sull’utilizzo del sito stesso. Leggi di più