“SITUAÇÃO POLÍTICA PARECE ESTAR PERIGOSAMENTE A SOFRER COM AUMENTO DE TRÁFICO DE DROGAS”, DIZ EMBAIXADOR DOS EUA

O embaixador dos Estados Unidos de América (EUA) para a Guiné-Bissau e Senegal, Tulinabo Mushingi, diz que a situação política e económica do país parece agora estar “perigosamente” a sofrer com o aumento de tráfico de drogas e da impunidade

Durante o balanço, hoje (14), da sua nona visita ao país, Tulinabo Mushingi sustenta que as greves e manifestações públicas de frustração são o resultado directo de permitir o florescimento do crime e da corrupção.

O embaixador diz também que a América quer ajudar a Guiné-Bissau mas não se pode envolver com um país que não deseja ou é incapaz de tratar de questões de má governação e instituições frágeis.

“Os titulares de cargos devem empenhar suas funções de acordo com a lei, esta é a distinção fundamental entre sociedades e Estados que estão a avançar e aqueles que estão presos em circunstâncias desesperadas. Líderes devem liderar”, enfatiza.

Tulinabo diz ter sido desanimador observar a situação política na Guiné-Bissau país se deteriorar depois das eleições legislativas do dia 10 de Março e questiona o atraso na marcação da data das presidenciais.

“O mundo ainda questiona porque a data das eleições presidenciais ainda não foi definida. Realizar eleições separadamente, assegurando a implementação pacífica das escolhas dos eleitores será uma grande conquista para a Guiné-Bissau e poderá abrir portas para uma maior cooperação e assistência da comunidade internacional”.

O diplomata mostra a disponibilidade do seu país em apoiar à liderança legítima e não facção politica ou partido.

“Não deve haver qualquer ligação entre o processo de atribuição de cargos na mesa da Assembleia Nacional Popular e a nomeação de um primeiro-ministro e a formação do seu governo”, defende o embaixador norte-americano.

Entretanto, durante a sua estada, de três dias, no país, o embaixador manteve o encontro com líderes dos partidos com maior número de deputados no parlamento, com o presidente da república e o primeiro-ministro.

 

Por: Elisangila Raisa Silva dos Santos

Escreva à RSM

email Entre em contato com a Rádio Sol Mansi.

Continuar

Ajuda RSM

helpContribua para a manutenção dos nossos equipamentos e a formação da nossa equipa.

Ajuda

Subscreva notícias

© 2019 Radio Sol Mansi
Cookie Policy | Privacy Policy

Questo sito fa uso di cookie per migliorare l’esperienza di navigazione degli utenti e per raccogliere informazioni sull’utilizzo del sito stesso. Leggi di più