O ministro dos Negócios Estrangeiros português garantiu, hoje (26), em Bissau, que a taxa da execução do Programa Estratégico de Cooperação 2015/2020 entre Portugal e a Guiné-Bissau já ultrapassou os 100 por cento

Em declaração aos jornalistas no palácio do governo, após o encontro com o seu homólogo guineense, também com o ministro da Economia e Finanças e o chefe do governo.

Augusto Santos Silva assegurou que nos últimos quatro anos, as relações económicas e comerciais entre Portugal e a Guiné-Bissau aumentarem significativamente.

“Para que a cooperação seja maior e para que o relacionamento económico seja mais intenso é evidente e por isso temos que trabalhar para aproveitar todo esse potencial”

No que concerne aos encontros com o seu homologo guineense, Suzi Barbosa, e com o ministro da Economia e Finanças, Geraldo Martins, Santos Silva disse que serviu para definir as prioridades dos próximos programas de cooperação entre os dois países e as áreas em que devem ser realizadas.

Ele disse que as prioridades para o próximo programa de cooperação com a Guiné-Bissau serão nas áreas do Turismo, a educação, a saúde, a segurança, agricultura e o desenvolvimento, o apoio nas funções da soberania e a economia.

O chefe da diplomacia portuguesa chegou ontem a Bissau para uma visita de trabalho de dois dias, ao chegar, Augusto Silva desse aos jornalistas que a realização de eleições nunca poderão ser um condicionalismo para qualquer país democrático e as eleições presidenciais marcadas para 24 de Novembro não vão condicionar a retoma dos programas de cooperação com Portugal.

 

Por: Elisangila Raisa Silva dos Santos / Braima Sigá

Podcast

podcast

Escute quando quiser as emissões da Rádio Sol Mansi.

 

 

 

Ouvir

Escreva à RSM

email 

Entre em contato com a Rádio Sol Mansi.

Continuar

Ajuda RSM

helpContribua para a manutenção dos nossos equipamentos e a formação da nossa equipa.

Ajuda

Questo sito fa uso di cookie per migliorare l’esperienza di navigazione degli utenti e per raccogliere informazioni sull’utilizzo del sito stesso. Leggi di più