28
Aug
2019

 A Polícia Judiciária confirma mais uma detenção esta terça-feira (27/8) de um cidadão alegadamente envolvido nos negócios de bolsas de estudo no Ministério da educação depois de na semana passada um outro ter sido detido igualmente no mesmo processo de investigação.

O individuo detido foi encaminhado pela cela desta instância judicial aguardando tramitação dos processos e amanhã, será apresentado ao Ministério Público.

Numa conversa com a Rádio Sol Mansi o director adjunto da Polícia Judiciária, Domingos Monteiro Correia, fez referência a operação afirmando que, o objectivo “ é descortinar a situação e responsabilizar todos os implicados nesta prática.

“ Reafirmo que a polícia judiciária está determinada a trabalhar para combater este tipo de práticas que não abona a serviço de bolsa de estudos. Confirmo a detenção ontem de mais um indiciado desta prática, mas o objectivo principal é descortinar esta situação e responsabilizar eventualmente junto das autoridades judiciárias, os implicados nesta prática”, afirmou.

Por outro lado, sublinhou que para se edificar o sistema da justiça e ter um serviço a nível da concessão da bolsa de estudo com maior credibilidade para garantir a lealdade e transparência do processo, “é preciso que os cidadãos denunciem os comportamentos que põem em causa os méritos em detrimento do favoritismo”.

A Polícia Judiciária deteve na semana passada um cidadão nacional não afecto ao Ministério da Educação Nacional supostamente envolvido na venda de bolsas de estudo a alguns encarregados da educação que pretendem que os seus filhos vão estudar no exterior.

Segundo algumas fontes do Ministério da Educação e da Polícia Judiciária, o primeiro detido justificou que teria conseguido os dados da bolsa quando foi a casa do seu primo que deixou o computador ligado no qual estava os dados dos bolseiros, aí aproveitou para pegar os referidos dados.

Ainda segundo a fonte da Polícia Judiciária, o suposto envolvido no processo desta terça-feira, será entregue e igualmente ouvido pelo Ministério Público esta quinta-feira.

Por: Quina Nhaté  

Questo sito fa uso di cookie per migliorare l’esperienza di navigazione degli utenti e per raccogliere informazioni sull’utilizzo del sito stesso. Leggi di più