Primeiro-ministro Umaro Sissoco Embalo pediu perdão em nome de todos os muçulmanos guineenses se ter ofendido alguém durante a sua governação.

Umaro Sissoco Embaló falava durante reza de Tabaski festejada esta sexta-feira em todo o território nacional.

«Em nome de todos os muçulmanos guineenses peço a perdão em nome de Deus e eu pessoalmente de maneira a outra se ofender alguém, hoje é o dia de nos perdoarmos de forma que desejo um entendimento entre guineenses e das pessoas que não têm fé. Eu como chefe do governo desejo paz no mundo e desejo paz e harmonia para aqueles que não têm fé», diz Sissoco Embaló.

Entretanto, o antigo presidente da República de transição Serifo Nhamadjo agradeceu a Deus por os permitir assistir mais uma vez esta reza muçulmana.

“ Estou grato a Deus por me permitir mais uma vez a festa que é um ritual muçulmano celebra-lo com vida e saúde. Aproveitando esta oportunidade para transmitir a mensagem de paz e reconciliação para aqueles que estão a nossa frente para que tenham a humildade de aceitar os outros na diferença para que haja sossego no país”

Serifo Nhamadjo durante a reza de Tabaski celebrada em todo o território nacional

Por: Nautaran Marcos Có

Podcast

podcast

Escute quando quiser as emissões da Rádio Sol Mansi.

 

 

 

Ouvir

Escreva à RSM

email 

Entre em contato com a Rádio Sol Mansi.

Continuar

Ajuda RSM

helpContribua para a manutenção dos nossos equipamentos e a formação da nossa equipa.

Ajuda

Questo sito fa uso di cookie per migliorare l’esperienza di navigazione degli utenti e per raccogliere informazioni sull’utilizzo del sito stesso. Leggi di più