Cuba pronto para relançar a cooperação militar com a Guiné-Bissau fundamentalmente no campo agrícola para desenvolvimento do país.

A confirmação feita esta segunda-feira (04 de Setembro) pelo chefe da delegação de Médicos Cubanos e Militares que se encontra no país para uma visita depois do encontro com o Presidente da República José Mário Vaz.

Á saída do encontro, o chefe da delegação General, João Francisco Peres Zil, disse que a Cuba está pronto para começar a cooperação não só no domínio da defesa mas também no campo de produção de alimento como ponto fundamental para desenvolvimento da Guiné-Bissau.

«Pensamos que podemos começar a cooperação não só no campo da defesa mas também na produção de alimentos como um ponto fundamental para o desenvolvimento da Guiné-Bissau uma vez que trabalho prático é que se construem o país», revelou general Zil.

Por outro lado, realçou a cooperação no domínio saúde como forma de ajudar a Guiné-Bissau com destaca dos médicos cubanos que prestam serviço na faculdade de medicina.

Recorda-se que a delegação visitou o centro de produção agrícola das Forças Armadas em Fâ-Mandinga, centro de produção pecuária de Ilondé, Hospital Militar, Faculdade de Medicina e Unidades militar de Bissau e do interior, também encontrou com o ministro da Defesa Nacional Eduardo da Costa Sanha.

A delegação de Médicos Cubanos e Militares encontra-se no país desde passado 30 de Agosto em que termina a missão no 05 de Setembro.

Por: Marcelino Iambi

Podcast

podcast

Escute quando quiser as emissões da Rádio Sol Mansi.

 

 

 

Ouvir

Escreva à RSM

email 

Entre em contato com a Rádio Sol Mansi.

Continuar

Ajuda RSM

helpContribua para a manutenção dos nossos equipamentos e a formação da nossa equipa.

Ajuda

Questo sito fa uso di cookie per migliorare l’esperienza di navigazione degli utenti e per raccogliere informazioni sull’utilizzo del sito stesso. Leggi di più