O linguista guineense, Incanha Imtumbo, é o novo director executivo do Instituto Internacional da Língua Portuguesa. Por um mandato de dois (02) anos com possibilidade de renovação, Itunga será investido na próxima quinta-feira (06), em Portugal, numa cerimónia que começa às 10 horas local

A escolha de Icanha foi aprovada por todos os representantes da Comunidade dos Países da Língua Oficial Portuguesa (CPLP), no seu último encontro.

Numa entrevista exclusiva á Rádio Sol Mansi (RSM), esta terça-feira (04), Icanha Intumbo – que também é investigador - diz que terá como função concretizar os pontos apontados no conselho da CPLP que visa promoção e dinamização da língua portuguesa.

Para o novo director executivo do instituto internacional da língua portuguesa, a nova função representa orgulho para os guineenses e por isso promete várias mudanças positivas no instituto.

Incanha Intumbo promete ainda tornar o instituo da língua da CPLP numa instituição abrangente e por isso todos os falantes da língua portuguesa são convidados a dar as suas contribuições.

O linguista guineense sucede no cargo à moçambicana Marisa Mendonça. E até o mês de Janeiro deve mudar-se para o escritório da organização, em Cabo-Verde.

Imagem & Texto: Elisangila Raisa Silva dos Santos

Podcast

podcast

Escute quando quiser as emissões da Rádio Sol Mansi.

 

 

 

Ouvir

Escreva à RSM

email 

Entre em contato com a Rádio Sol Mansi.

Continuar

Ajuda RSM

helpContribua para a manutenção dos nossos equipamentos e a formação da nossa equipa.

Ajuda

Questo sito fa uso di cookie per migliorare l’esperienza di navigazione degli utenti e per raccogliere informazioni sull’utilizzo del sito stesso. Leggi di più