15
Mar
2019

A Guiné-Bissau assume, a partir desta sexta-feira (15 de Março), por período de um ano, a presidência do Comité de Ministros de Tutela de ASECNA (Agência para a Segurança da Navegação Aérea em África e Madagáscar)

O acto aconteceu durante a 63ª reunião do Comité que reuniu, hoje (15 de Março), em Bissau, um total de 13 ministros dos transportes dos países africanos.

Ao presidir a cerimónia de abertura dos trabalhos, o primeiro-ministro, Aristides Gomes, falou na necessidade de melhoria de condições do espaço aéreo para uma concorrência com outros espaços para permitir captar investimentos para o desenvolvimento do país.

“No próximo mês de Dezembro, a nossa agência comum que vem proporcionando uma excelente gestão de espaço aéreo dos países membros, tornando o espaço aérea de ASECNA um dos espaços mais seguro do mundo para a navegação. (…) Uma necessidade fundamental para que nós possamos ser concorrenciais em relação ao outro espaço aéreo quanto melhores condições nós tivermos vamos criar no nosso espaço aéreo para recebermos a circulação normal de aviões maiores serão as nossas oportunidades de podermos captar o nosso investimento e podermos avançar com desenvolvimento”.

Entretanto, o novo Ministro de ASECNA, o guineense Mamadu Serifo DJaquite, disse que as metas para os 12 meses da sua presidência, estão incididas nas resoluções do encontro de Bissau tendo afirmado que ASECNA deve concentrar mais na segurança técnica dos seus aparelhos e dos seus espaços aéreos.

“O espaço aéreo da Guiné-Bissau é um dos espaços aéreos mais seguro que existem, por isso são necessários os meios técnicos, são necessários os meios humanos capacitados para poderem dar seguimentos a toda esse desenvolvimento”, sustenta Djaquite.    

Entretanto ainda esta sexta-feira Presidente da República, José Mário Vaz, recebeu a delegação composta por 13 ministros dos transportes dos países africanos, que participaram na 63.ª reunião de Comité de Ministros de tutela de ASECNA.

 

Por: Elisangila Raisa Silva dos Santos

 

Questo sito fa uso di cookie per migliorare l’esperienza di navigazione degli utenti e per raccogliere informazioni sull’utilizzo del sito stesso. Leggi di più