O Colectivo dos Professores “ Voz da Verdade” responsabiliza esta terça-feira (05 de Setembro) membros de dois sindicatos dos professores (Sindicato Nacional dos Professores e Sindicato Democrático dos Professores) pelo não cumprimento do memorando de entendimento por parte do governo assinado desde passado dia 05 de Junho deste ano.

Os membros de dois sindicatos mostraram confiante no cumprimento por parte do governo na assinatura de memorando de entendimento e passaram três meses sem cumprimento, explicou o Coordenador dos Colectivo, Nicolau Vaz.

« Um dos dirigentes proferiu as declarações de que Nicolau Vaz quer pôr em causa os ganhos sobre a aplicação de Estatuto da Cadeira Docente uma vez que vai tornar uma realidade e já passaram, ou seja, amanhã vai completar três meses que assinaram o memorando, onde o governo prometeu dentro de prazo de dois meses, cumprir com a efectivação dos professores, pagamento dos mesmo entre outras promessas”, diz.

Nicolau Vaz, que considerou os dois sindicatos dos professores de doente, sublinha que “os dois sindicatos ameaçam condicionar inicio do ano lectivo, depois de terem desconvocado a greve sem nenhuma explicação” para depois questionar “com que cara os sindicatos podem dizer que vai condicionar o inicio do ano lectivo se o governo não cumprir com aplicação do Estatuto da Cadeira Docente”?, questiona Nicolau Vaz.

Por: Bíbia Marisa Pereira

Podcast

podcast

Escute quando quiser as emissões da Rádio Sol Mansi.

 

 

 

Ouvir

Escreva à RSM

email 

Entre em contato com a Rádio Sol Mansi.

Continuar

Ajuda RSM

helpContribua para a manutenção dos nossos equipamentos e a formação da nossa equipa.

Ajuda

Questo sito fa uso di cookie per migliorare l’esperienza di navigazione degli utenti e per raccogliere informazioni sull’utilizzo del sito stesso. Leggi di più